Warning: Parameter 1 to wp_default_scripts() expected to be a reference, value given in /home/storage/b/d2/e1/windsports/public_html/wp-includes/plugin.php on line 571

Warning: Parameter 1 to wp_default_scripts() expected to be a reference, value given in /home/storage/b/d2/e1/windsports/public_html/wp-includes/plugin.php on line 571

Warning: Parameter 1 to wp_default_styles() expected to be a reference, value given in /home/storage/b/d2/e1/windsports/public_html/wp-includes/plugin.php on line 571
 Blog do Léo | Duranbah

Artigos da categoria Blog do Léo

Show de SP

1 julho 2012

Categorias: Blog do Léo

Demos o primeiro passo, o primeiro show já morando em São Paulo deixou um ar de coisas boas! Foi como tocar em casa, muitos amigos por perto e todo mundo cantando junto e pedindo bis … Agora é pra valer, sempre foi, mas poder tocar de novo e ver esse retorno positivo do público é cada vez mais confortante!

Foto: Carol Ortega

Tags: , ,

ENSAIOS A MIL

17 maio 2012

Categorias: Blog do Léo

Os ensaios tem rendido bastante. Não vejo a hora de voltar a tocar…eu não sei nada melhor do que aquelas duas horas que você passa em cima de um palco. Principalmente se eu consigo passar adiante a minha mensagem pra pelo menos uma pessoa. É…não vejo a hora de voltar a tocar!


Tags: , ,

Lá No Lolla

9 abril 2012

Categorias: Blog do Léo

Fim de semana passado eu vi alguns dos melhores shows da minha vida. Quase inexplicável, mas vou tentar resumir aqui …

Começei com o show do Cage The Elefant, que foi animal! O vocalista, Matthew Shultz, tem uma presença de palco irada! O cara se jogou na galera pra cantar uma das músicas. Eu tava bem perto de onde ele caiu e foi muito legal ver ele fazendo isso. Faltou um pouco dessa interação em algumas bandas, como o Arctic Monkeys. Mas eu volto pra isso depois.

Depois eu fui pro show do Rappa, que foi um dos melhores do festival. Quando eles soltaram Rage Against The Machine a galera ficou louca! Não tinha ninguém parado e eu ainda aproveitei que abriu uma rodinha na hora e eu passei no meio e fiquei mais na frente! Os caras animaram bem a galera… Aí começou a encher mais e lá na frente complicou pra gente com o calor cansaço e a fome. Ainda bem que eu levei uma mochila com comida e água…então até que foi tranquilo.

Quando começou Tv On The Radio a galera não via a hora de começar Foo Fighters então eu senti que ninguém tava muito pilhado com o show. Uma pena porque o som dos caras é muito bom. Tem algumas músicas que eu reconheci de filmes de surf e as que eu não conhecia eu curti muito também. E ai depois de muita espera, ansiedade, empurrões, ombradas e afins, começa aquele bom e velho riff marcante de All My Life. Não preciso nem dizer que a vibração de todo mundo era maior que gol do Brasil numa final de Copa do Mundo. O show inteiro animal!! Eu já tava bem perto do palco só que abriu outra rodinha na minha frente e eu não pensei duas vezes e atravessei aquilo correndo!!

Consegui ficar colado no palco, só tinham quatro pessoas entre eu e a grade. Eu não tava nem acreditando naquilo! Eu tava exatamente na frente do Pat. O repertório foi muito bom, a interação, e fica claro o quanto os caras amam fazer aquilo. Um dos melhores momentos da noite pra mim foi quando o Dave parou na minha reta e começou a fazer um solo. Peguei o telefone na hora e tirei uma foto pra galera não achar que eu tava mentindo hahaha. No segundo dia eu cheguei um pouco mais tarde, lá pras 17:00 horas. Bem na hora do Manchester Orchestra.


Conheço o som deles há um bom tempo e também dei sorte de ficar num lugar bom de novo. Dessa vez eu fiquei na grade mesmo só que um pouco mais pra direita. Enfim, o show foi muito bom, tocaram todas as minhas preferidas deles. Depois veio o show do Foster The People, que foi o mais animado do dia. Os caras tem uma presença animal também e as músicas não deixam você ficar parado. Ainda mais com todo mundo pulando. E a hora que o Mark desceu na galera pra cantar o maior hit da banda “Pumped Up Kicks” todo mundo ficou louco! Finalizaram bem o show.

Em seguida veio o Arctic Monkeys, gosto muito do som dos caras, conheço várias músicas, o show foi até legal. Mas eu tenho que dizer, o Alex Turner tem um jeito muito estranho. Achei o cara muito arrogante, sei lá pode ser impressão minha mas faltou um pouco de interação com a galera. Mas no geral o show foi irado e eles misturaram alguns clássicos da banda com algumas novas tipo “R U Mine”.

Festival inesquecível!!!!

Tags: ,

Página 1 de 11